imlUm homem de 50 anos foi encontrado morto em uma vila de apartamentos no Bairro Igarapé, em Porto Velho, na madrugada desta segunda-feira (7). Três vizinhos foram até a residência da vítima e se depararam com o corpo em cima de uma cama, com uma calça enrolada no pescoço. Dois adolescentes foram apreendidos e um homem preso por suspeita de terem cometido o crime.

Segundo o boletim de ocorrência, testemunhas relataram à Polícia Militar (PM) que viram os dois menores e o homem saindo com objetos de dentro da casa da vítima. Na ocasião, um dos vizinhos foi até o local e trancou portão da vila, para que nada mais fosse furtado. Minutos depois, outros dois vizinhos ouviram barulhos e foram até o apartamento da vítima. Eles encontraram janelas e portas abertas e resolveram fechá-las.

Neste momento, os vizinhos se depararam com a vítima deitada na cama. Uma das testemunhas percebeu que o corpo apresentava sangramento na boca e nariz e tinha uma calça enrolada no pescoço. Eles tiraram a peça de roupa e tentaram reanimar a vítima, mas sem sucesso. Em seguida, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, juntamente com a PM. Os paramédicos confirmaram a morte da vítima e o corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML).

Durante o registro da ocorrência, um adolescente de 17 anos, uma menor de 12 e o homem retornaram à vila de apartamentos. No local, eles foram reconhecidos por uma das testemunhas, que afirmou ter visto o trio levando objetos da casa da vítima.

O homem foi preso e os dois menores foram apreendidos e levados para a Central de Flagrantes. Os pais dos adolescentes e o Conselho Tutelar foram informados sobre o ocorrido. O caso foi registrado como latrocínio. Uma botija de gás, uma faca e um microondas que pertenciam a vítima foram encontrados na casa do suspeito.

Fonte: G1