Ediane Sousa e Luiz da Silva, ambos deficientes visuais, se conheceram na escola, namoraram um ano e agora esperam a chegada do primeiro filho do casamento. Apesar de levarem uma vida normal, os dois enfrentam muitas dificuldades. Por isso, amigos do casal promovem uma campanha nas redes sociais para fazer um chá de bebê.

Gisane Santiago, educadora social, conheceu os dois na escola de assistência para deficientes visuais, se tornou amiga deles e até organizou o casamento dos dois. Braço de apoio do casal, ela foi a idealizadora da campanha. Segundo a educadora, Silva e Ediane são exemplos de superação, já que eles próprios cuidam um do outro e fazem as tarefas diárias sozinhos.

“Existem várias pessoas que se dizem normais que são acomodadas. O Luiz é uma pessoa que dá lição de moral nas pessoas. Ele faz tudo, é o melhor aluno da sala. Acompanho ele e já está aprovado em todas as matérias. Ele anda só, cozinha, passa roupa e faz todas as atividades normalmente. Convido as pessoas a ajudarem esse casal, é um gesto lindo e desafiador”, declara Gisane.

O casal vive em um apartamento simples em Rio Branco. Ediane está grávida de quatro meses e o companheiro está tomado de alegria. “É uma expectativa muito grande, é meu primeiro filho. Estou no meu segundo casamento. Esse fruto que foi gerado é a dádiva para a gente. É algo que nós esperávamos”, relata Silva.

Ediane conta que ainda não sabe qual o sexo do bebê que está esperando. Porém, ela fala que a ultrassonografia está marcada para o dia 13 deste mês. Mesmo com a ansiedade e expectativa, a mãe diz não ter preferência por menino ou menina. “O que vier eu recebo, em nome de Jesus. Estou muito emocionada [por se tornar mãe]”.

O marido fala que o processo de convivência com a esposa é uma descoberta nova a cada dia. Juntos eles ensinam um ao outro e se ajudam o máximo possível. Com cuidado e carinho, eles vão seguindo a vida unidos e fortes. Questionada sobre a campanha para o chá de bebê, Ediane fica tímida e agradeça a iniciativa. “O que vier vai ser muito bem vindo e agradeço muito”, finaliza.

Fonte: G1