Vick Bacon – Desde que assumiu o comando da Secretaria da Educação em Goiás, a paranaense que migrou ainda criança para Rondônia, Fatima Gavioli tem despertado atenção e curiosidades em todo os bastidores da educação nacional.

Gavioli é professora da Rede Pública de Rondônia e ocupou o cargo de secretária de estado da educação no período de dezembro de 2014 a janeiro de 2017. Após sua saída da Seduc/RO, dedicou-se aos estudos do programa de Doutorado em Psicologia pela PUC/RS. Em dezembro de 2018, com a vitória de Ronaldo Caiado para o governo de Goiás, Fátima foi convidada para assumir a pasta mais volumosa em trabalho daquele estado. Goiás tem uma população de 6 milhões e 800 mil habitantes e 246 municípios. É 150% maior que Rondônia no aspecto territorial e tem 350% mais população. São mais de 500 mil alunos só da Rede Estadual. Um pequeno estado para se cuidar.

Ronaldo Caiado confiou a nobre missão para Gavioli, desconhecida nas bandas de Goiás e no início causando desconforto político, pois, naturalmente os cargos de primeiro escalão de governo são confiados aos apoiadores de campanha ou indicação de deputados. Caiado quebrou a tradição para a Secretaria de Educação que precisava de um choque de gestão e liderança.

Goiás atravessou anos difíceis e turbulentos tanto na política quanto na gestão pública. Caiado entregou a missão à Fátima Gavioli de colocar o orgulho ao povo goiano do seu sistema de ensino. Fátima Gavioli conseguiu colocar o pagamento dos professores e servidores da Educação em dia, de fornecedores, reformas em 60 escolas, kits escolares, divisão do ICMS nos parâmetros da qualidade do ensino, projeto pilares, 62 milhões para o transporte escolar e a valorização do professor através de programas de incentivo e qualificação do magistério.
Goiás ocupa a primeira colação no IDEB e a missão de continuar com essa nota é um tarefa árdua e difícil. O estado é o único a atingir as metas do ensino médio.

O presidente Bolsonaro recebeu elogios da atuação de Gavioli na educação de Goiás. O governador Caiado não esconde o gosto de ter levado Fátima Gavioli para sua equipe e ter acertado com a escolha. Em todos os municípios de Goiás, Gavioli é muito bem aceita pela classe da educação. Entre os políticos do estado não há quem reclame da gestão de Gavioli no comando da pasta mais complexa do governo.

O Enem 2019 focou em Goiás onde o ministro da educação Weintraub esteve pessoalmente observando a movimentação. Acompanhado do governador Caiado e da secretária Fátima Gavioli, foi só elogios à atuação da Secretaria de Educação comandada pela professora Gavioli. Se até o presidente tem recebido elogios da sua atuação no comando da educação estadual, com certeza seria um nome importante para o comando da educação nacional (MEC). Gavioli reúne todos os predicados necessários para administrar o Ministério da Educação e vem sendo bem sondada nos bastidores pelo presidente Bolsonaro. A dúvida é saber se Ronaldo Caiado permitirá que sua pupila a deixe!

Vick Bacon é jornalista e influencer midiática. Reside em Porto Velho, capital de Rondônia desde 2004. É natural do Paraná onde cursou suas graduações em Letras e Jornalismo.