Dono de lava jato é morto a tiros e dois funcionários são baleados

dp_de_jaruUm jovem de 22 anos foi assassinado com cerca de sete disparos de arma de fogo, no início da noite de sábado (12), dentro do próprio lava jato localizado entre as Avenidas Jorge Teixeira e Dom Pedro I, no Setor 7, em Jaru (RO), município a 290 quilômetros de Porto Velho. De acordo com a Polícia Militar (PM), dois funcionários que estavam no local também foram atingidos pelos disparos. O crime foi cometido por dois homens, ainda não identificados.

Conforme o boletim de ocorrência, os policiais foram informados sobre disparos de arma de fogo no estabelecimento. Ao ir até o endereço, os militares se depararam com as três vítimas caídas no chão com perfurações pelo corpo. O Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) foi solicitado para prestar os primeiros socorros às vítimas, mas o empresário não resistiu aos ferimentos.

Durante o crime, um dos jovens foi atingido com um disparo nas costas e o projétil ficou alojado na coluna vertebral, enquanto o outro funcionário foi atingido na região da perna. Após serem socorridos, eles foram encaminhados ao Hospital Municipal de Jaru. Devido à gravidade dos ferimentos, os dois foram transferidos até o Hospital de Urgência e Emergência Regional (Heuro) em Cacoal (RO).

Ao coletar as informações, os policiais foram informados que as vítimas estavam no interior do lava jato, quando em determinado momento dois homens chegaram em uma motocicleta, sacaram uma arma de fogo e efetuaram os disparos na direção do proprietário do local. Posteriormente, os suspeitos dispararam contra os dois jovens e fugiram da localidade.

A pericia técnica foi solicitada e, durante os trabalhos que devem auxiliar nas investigações, encontrou um revólver no bolso da bermuda do dono do lava jato. O corpo da vítima foi encaminhado até o Instituto Médico Legal (IML) do município.

O crime foi registrado na Delegacia de Polícia Civil de Jaru, onde as causas e os autores do homicídio serão investigados.

Fonte: G1