Fiero lança o Prêmio Paulo Queiroz de Jornalismo


EXPRESSÃO RONDÔNIA

pauloqueiroz-sepiaA Federação das Indústrias do Estado de Rondônia (Fiero) lançará em seu auditório, no próximo dia 7 de dezembro, às 19h, o Prêmio Paulo Queiroz de Jornalismo.

Segundo o regulamento, o prêmio visa “estimular, valorizar e reconhecer profissionais comprometidos com a prática do jornalismo fundamentado na propriedade técnica, na ética, na verdade, na transparência e na imparcialidade”.

Segundo o assessor de imprensa da Fiero, jornalista Carlos Araújo, poderão competir profissionais que produzirem reportagens a respeito do desenvolvimento industrial e sua importância estratégica no crescimento do Estado de Rondônia. “As matérias deverão ser publicadas em jornais impressos, veiculadas em sites e portais, ou na TV, no período compreendido entre 10 de dezembro de 2016 e 15 de março de 2017”, ele informou.

“A Temática é a notícia que evidencie a indústria como força propulsora da economia, com ênfase para o papel do Sistema Fiero, formado pelo Senai, Sesi e IEL”, acrescentou Araújo.

O concurso é dividido em quatro categorias: jornalismo impresso, radiojornalismo, telejornalismo e webjornalismo. Entre os concorrentes nas respectivas categorias serão escolhidos os três melhores trabalhos para indicação de um vencedor.

Poderão ser inscritos trabalhos jornalísticos de autoria de um único profissional ou de um grupo de profissionais de comunicação. Cada participante poderá inscrever até quatro trabalhos por categoria, e o profissional não poderá inscrever o mesmo trabalho em categorias diferentes.

As inscrições começarão no próximo dia 10 de dezembro, prolongando-se até 15 de março de 2017. É obrigatório que cada trabalho esteja acompanhado da ficha de inscrição, preenchida corretamente e sem rasuras, trazendo em anexo cópia autenticada do comprovante de registro profissional de jornalista. Esses documentos devem acompanhar em anexo a matéria que concorre ao prêmio.

A ficha de inscrição está disponível no site www.fiero.org.br

Os trabalhos considerados vencedores pela Comissão Julgadora nas categorias Jornalismo impresso, radiojornalismo, telejornalismo, telejornalismo e webjornalismo receberão diploma e a seguinte premiação pecuniária: 1º lugar, por categoria, prêmio no valor de R$ 7 mil; 2º lugar, por categoria, R$ 5 mil; 3º lugar, por categoria, R$ 3 mil; 4º lugar, por categoria, R$ 1.500.

O trabalho classificado em 5º lugar receberá menção honrosa, sem premiação pecuniária.