Terceirizados responsáveis pela limpeza do Hospital Geral de RR paralisam atividades para cobrar salários atrasados

Cerca de 50 funcionários da Cometa Serviços, empresa terceirizada que presta serviços de limpeza no Hospital Geral de Roraima (HGR), paralisaram as atividades nesta quinta-feira (10). Os funcionários afirmam que estão há dois meses sem receber salários.

Os terceirizados paralisaram as atividades de limpeza às 7h desta manhã. Eles se reuniram em frente à sede da Secretaria Estadual de Saúde e exigiram o pagamento dos salários atrasados e uma reunião com representantes da secretaria para finalizar a manifestação.

Às 11h, o governo informou que o serviço no hospital já começou a ser restabelecido.

Uma das servidores, Lidiane Batista, explicou que o último salário recebido pelos funcionários da Cometa Serviços foi em junho e que os valores eram referentes ao mês de maio.

“Não recebemos salário nos meses de junho e julho. Estou com as contas atrasadas. Todos os funcionários estão nessa situação”, disse Lidiane.

Por volta das 10h, a proprietária da empresa Cometa Serviços chegou ao local e solicitou uma reunião com os funcionários. Ao G1, ela afirmou que a empresa não irá se manifestar.

Pagamento é responsabilidade da empresa, diz Sesau

Em nota, a Secretaria Estadual de Saúde (Sesau) informou que o pagamento dos funcionários terceirizados que limpam o HGR deve ser garantido pela empresa contratada mesmo que haja atraso nos repasses por até 90 dias, o que não é o caso.

“A Sesau já adotou as providências necessárias e o serviço já começou a ser restabelecido. Novos repasses serão feitos para a empresa nos próximos dias. Nos casos de eventuais descontinuidades no serviço, a limpeza é concentrada nos locais essenciais como centro cirúrgico, trauma, setor de esterilização e pronto atendimento”, finalizou a nota.

Fonte: G1