Escola pública no interior do AP está sem merenda desde o início do ano letivo

Pais e alunos da Escola Estadual Ernesto Pereira Colares, localizada no município de Pracuúba, a 256 quilômetros de Macapá, reclamam que desde o início do ano letivo não há o fornecimento de merenda para os estudantes. Relatos foram enviados para o aplicativo Tô na Rede, da Rede Amazônica.

A Secretaria de Estado da Educação (Seed) informou que a escola teve recursos do caixa escolar bloqueados devido à não prestação de contas em relação ao ano de 2016. Com isso, a direção deve procurar o Núcleo de Prestação de Contas, em Macapá, para regularizar a situação e o valor da merenda escolar ser repassado à instituição.

A situação gera reclamação de pais e responsáveis. Um internauta, que não quis ser identificado, informou que além da falta de merenda, a falta de professores também prejudica o ensino na escola.

“A Escola Estadual Ernesto Pereira Colares, no município de Pracuúba, está sem merenda desde quando começou as aulas e não tem nem previsão de retorno. E também está faltando professores”, diz o relato.

A Seed reforçou que a gestão da escola deve verificar os procedimentos que precisam ser feitos para que a pasta possa auxiliar na solução.

Fonte: G1