Em busca de reabilitação, Paysandu encara o CSA

Um jejum de três jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro da Série B. Esse é um dos poucos pontos em comum entre CSA e Paysandu, além do fato de que ambos vão entrar em campo às 21h30 desta terça-feira, no Rei Pelé, em jogo válido pela 30ª rodada.

A posição dos dois times na tabela é bastante distinta. Apesar da fase ruim, o CSA tem 47 pontos e ocupa a terceira colocação, com 47 pontos. Se tropeçar nesta terça, no entanto, pode termina a rodada fora da zona de classificação.

O Paysandu, por sua vez, vive um momento dramático, na 18ª colocação, com 31 pontos, um a menos que o Juventude, primeiro time fora da zona de rebaixamento, em 16º lugar.

Durante o primeiro turno, Papão e CSA se encontraram na Curuzu e não saíram de um empate sem gols, em jogo válido pela 11ª rodada.

PRONTO

O CSA encerrou a preparação na manhã desta segunda-feira, no Mutange, com um treino leve para os titulares. A tendência é que o técnico Marcelo Cabo mande a campo a mesma escalação que começou jogando no empate sem gols no clássico contra o CRB, no último sábado.

Apesar do cenário mais dramático vivido pelo Paysandu, é justamente o momento ruim do adversário e a necessidade urgente de uma melhora que preocupa o lateral-direito Celsinho.

“O Paysandu vem passando por uma fase difícil na Série B, mas é um clube grande e vem em busca de pontos em nossa casa. Há uma necessidade de vitória dos dois lados e isso vai tornar o jogo muito mais aberto. Precisamos ter atenção para voltarmos a vencer em casa”, afirmou o jogador azulino.

BANCADO

Muito criticado pelos torcedores do Paysandu e vaiado durante derrota por 3 a 2 para o Goiás, na rodada passada da Série B, Renan Rocha deve ser mantido no time. Tudo indica que João Brigatti vai bancar a permanência do goleiro no time titular para o duelo desta terça-feira, contra o CSA, em Maceió.

Reserva imediato da posição, Marcão não foi relacionado pelo treinador bicolor. A ausência do nome foi uma opção técnica, conforme afirmado pela assessoria de imprensa do clube. O outro goleiro relacionado, além de Renan Rocha, foi o jovem Paulo Ricardo, que ainda não fez nenhum jogo na temporada.

O restante do time não foi confirmado por Brigatti, mas é certo que ele vai contar com um desfalque. O atacante Mike recebeu o terceiro cartão amarelo e terá que cumprir suspensão. Com isso, Lúcio Flávio e Romarinho devem brigar pela vaga em aberto no setor ofensivo.

Foto: Fernando Torres/Paysandu

Fonte: Futebol Interior