Famílias são notificadas para desocupar área ambiental na Zona Sul de Macapá

Uma Área de Proteção Ambiental (APA) no bairro Jardim Marco Zero, na Zona Sul de Macapá, foi ocupada irregularmente por pelo menos cinco famílias, que construíram casas de madeira foram no local.

Para evitar que a invasão avance, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semam) notificou as famílias na sexta-feira (8), definindo prazo de 72h para que elas desmontem as construções e deixem o local.

A Semam informou que moradores do entorno da APA denunciaram que pessoas estavam cortando a vegetação existente e levantando as residências irregularmente.

Márcio Pimentel, titular da pasta, explicou que essas áreas são canais fundamentais para o escoamento das águas das chuvas e quaisquer intervenções podem acarretar em problemas ambientais, como alagamentos em outras regiões da capital.

“A prefeitura tem atuado constantemente no monitoramento das APAs, para combater as invasões e o desmatamento desses locais. A ocupação causa muitos transtornos, principalmente no período de chuva, causando alagamentos em diversos pontos da cidade, já que são áreas de vazão natural”, detalhou o secretário.

Ainda de acordo com Pimentel, a secretaria irá focar em evitar que novas construções sejam feitas no local.

“Nem o município, nem o estado têm condições de transferir essas pessoa para um residencial. O que a gente vai fazer agora é ficar monitorando essa área para evitar que tenha entrada de novas construções no local”, reiterou.

Foto: Semam
Fonte: G1