O presidente Michel Temer estuda enviar ao Congresso Nacional uma medida provisória para estabelecer um novo marco legal da reforma agrária. A ideia é simplificar o processo. A iniciativa foi anunciada após reunião de Temer com o governador de Rondônia, Confúcio Moura, que pediu mais celeridade na regularização de terras no estado.

O presidente do Incra – Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária – Leonardo Goes afirma que o governo pensa em formas de diminuir a burocracia e que o texto já está em fase final.

O governador de Rondônia afirma que a medida provisória deve resolver problemas fundiários, já que a maior parte das terras do estado pertencem ao governo federal.

O governador pediu a regionalização dessas terras e ainda destacou, o que chamou, de situação dramática dos conflitos no estado nas áreas produtivas. Afirmou que Rondônia é a unidade da federação, onde há mais mortes por causa de terras. Segundo ele, só este ano 45 pessoas foram assassinadas dentro ou fora de assentamentos e ocupações.