Colecionador de medalhas em torneios estaduais e nacionais, o atleta Orlando Neto, de Ariquemes, venceu a primeira prova do ciclismo, a de velocidade, dos Jogos Escolares da Juventude (JEJ), em Blumenau (SC), e consolidou o título de o melhor do Brasil pelo segundo ano consecutivo.

Estudante da escola estadual Ricardo Catanhede, Orlando Neto liderou a prova, antes conhecida como prova do contrarrelógio, e garantiu a segunda medalha de ouro para a delegação rondoniense na maior competição escolar brasileira que reúne, até o próximo dia 30, no interior catarinense, 4.998 atletas de 12 a 17 anos de todo o país em 14 modalidades.

O bicampeão no ciclismo, Orlando Neto, almeja conquistar outras duas medalhas em Blumenau

A primeira medalha de ouro foi no atletismo, na modalidade do Tetratlo, conquistada por Alinny Oliveira, da escola estadual Tancredo Neves, de Porto Velho. O judoca Lucas Pontes, aluno da escola estadual Manoel Bandeira, em Colorado do Oeste, conquistou medalha de prata.

Na primeira prova do ciclismo em Blumenau, Orlando Neto atingiu a velocidade de 59km/h na reta final da prova, conforme registrou o equipamento eletrônico pessoal do atleta. O tempo do percurso do garoto foi de 11s706, segundo os registros oficiais dos árbitros que prestam serviços ao Comitê Olímpico do Brasil (COB), organizador do evento esportivo escolar.

“Agradeço a Deus, aos amigos, ao meu pai que sempre me apoia, e ao governo de Rondônia por proporcionar a minha participação nos jogos em Santa Catarina. Estou feliz em me tornar bicampeão no brasileiro escolar e muito confiante que vou conquistar mais duas medalhas na competição”, declarou o garoto de 17 anos, que se despede este ano dos jogos escolares devido à idade.

Orlando Neto compete nesta quinta-feira (28) a prova por pontos (25KM/até 10 sprints), e, na sexta-feira, a prova Estrada (35 minutos + uma volta). Em Natal (RN) em 2018, o rondoniense ganhou também uma medalha de bronze na prova Estrada e subiu ao pódio duas vezes na mesma competição.

Neste terceiro bloco dos JEJ, iniciados na quarta-feira (27), Rondônia está sendo representada também nas modalidades de vôlei de praia, natação, ginástica rítmica, xadrez e tênis de mesa.

VÔLEI DE PRAIA

Atletas do vôlei de praia de Espigão do Oeste apresentaram técnica e entrosamento e venceram as duas partidas na estreia dos Jogos Escolares

No vôlei de praia a dupla feminina juvenil, Tais Miller e Milena Klippel, da escola estadual 7 de Setembro, de Espigão do Oeste, venceu por 2×0 as meninas do Goiás. Os atletas juvenis Ítalo Araújo e Ítalo Rodrigues, estudantes do Carmela Dutra, em Porto Velho, perderam por 2×0 para dupla pernambucana.

“Apesar do resultado dos meninos, eles estão bem confiantes nos dois próximos jogos. As meninas mostraram mais entrosamento e apresentaram um vôlei de praia espetacular”, falou o técnico Alberto Barbosa. “Tivemos nossos altos e baixos na partida, mas, acima de tudo, alcançamos o que desejávamos, a vitória”, disse a capitã Tais Miller.

XADREZ

No primeiro dia de competição dos atletas do xadrez, os resultados foram positivos e os quatro enxadristas seguem na competição.

Pela primeira vez nos jogos escolares nacional, Vitória Valadares ganhou a partida contra a adversária do Pará e perdeu a segunda para a representante de Santa Catarina, pela categoria de 12 a 14 anos. “Passei fácil pelo Pará. A segunda partida foi equilibrada, mas cometi erros primários e perdi o jogo”, disse Valadares, aluna da escola estadual Carlos Gomes, de Cacoal.

A veterana no brasileiro escolar, Sofia Montes, venceu a representante do Goiás, mas não superou a técnica aplicada pela adversária do Ceará. “Vou recuperar esse prejuízo e voltar pra casa com medalha”, falou a aluna da escola estadual Josino Brito, de Cacoal, que encerra participação nos Jogos Escolares este ano.

De Alta Floresta do Oeste, o enxadrista infantil Breno Gregolin venceu o Amazonas e perdeu para o Distrito Federal. “Fiquei nervoso na segunda partida”, disse o menino, aluno da escola estadual Padre Ezequiel Ramin.

GINÁSTICA RÍTMICA

A ginasta Maria Eduarda Tavares das Neves garantiu, na noite de quarta-feira, em Blumenau, a participação na final do aparelho maça pela categoria juvenil. Duda, como é mais conhecida na ginástica rítmica, está otimista. “Este é meu ultimo ano nos jogos escolares nacional e vou apresentar o meu melhor no tapete da competição”, disse a jovem aluna da escola estadual Major Guapindaia, de Porto Velho.

Os atletas do tênis de mesa e de natação também seguem na competição.

Rondônia estreia com vitórias no badminton e o atletismo passa para semifinais dos Jogos Escolares em Blumenau (SC)

Superar as dificuldades é uma lição tirada dos treinos de badminton no distrito de Iata, em Guajará Mirim

Governo avança em acessibilidade com capacitação em Libras de servidores da segurança pública

Fonte
Texto: Paulo Sérgio
Fotos: Paulo Sérgio
Secom – Governo de Rondônia