Durante fiscalização na escola municipal de ensino infantil Latife Zaine Kalume, uma equipe do Ministério Público encontrou merenda vencida, nesta segunda-feira (8), na cidade de Xapuri, no interior do Acre.

A secretária Municipal de Educação, Fernanda Pinheiro, afirmou que a merenda com data de validade vencida não foi dada a crianças e que se tratava de uma remessa antiga que não foi descartada.

Conforme Fernanda, como a escola estava com grande atividade, acabou não tendo tempo de fazer o descarte da merenda, mas que a nova já havia sido entregue.

“A secretaria nunca entregou, desde o ano passando que assumimos a secretaria, nenhum item vencido em nenhuma escola municipal. O que aconteceu foi um equívoco na escola, que existia uma bolacha da merenda de três meses atrás e devido uma agenda que estava acontecendo dentro da escola, eles iriam retirar essa merenda essa semana. Em nenhum momento, a escola serviu essa bolacha vencida”, afirmou Fernanda.

O MP-AC informou que, durante a fiscalização, foram encontrados, em uma prateleira na despensa da escola, 22 pacotes de bolachas com o prazo de validade vencido e alguns óleos de cozinha, também vencidos.

O órgão afirmou ainda que ficou constatado, após conversa com a coordenação da escola, que as bolachas tinham sido consumidas pelas crianças na segunda (8). Os pacotes já apresentavam consistência amolecida.

Além da merenda vencida, a equipe também encontrou um freezer com carne, frango, polpa de frutas e duas panelas contendo caldos de tucupi. Na geladeira da escola, também havia ovos sem prazo de validade, além de batatas e outras verduras.

Após constatar as irregularidades, o MP-AC acionou a Vigilância Sanitária para inspeção e apreensão dos alimentos vencidos.

Vistoria no setor de merendas do município

A equipe do MP também fez vistoria no setor de merendas do município e verificou que, no estoque, a maioria dos produtos está próximo do vencimento, com cerca de 90 dias.

A secretária afirmou que essa merenda que está no estoque é enviada para as escolas da zona rural mensalmente.

“A merenda que está hoje no nosso estoque é a que vai ser entregue agora em outubro nas escolas rurais, já que nossa entrega é mensal. Todo mês é entregue merenda nova para o cardápio daquele mês, não é para ficar de um mês para o outro. Toda a nossa merenda está com validade até dezembro, que é quando nosso ano letivo encerra”, disse a secretária.

Fonte: G1