Sábado 11 de julho, uma data que para muitos será apenas mais um final de semana, para outros será uma data eternizada, como já é de conhecimento de todos, devido a pandemia o Arraia do Cer na modalidade presencial havia sido adiado para 2021, mas as despesas infelizmente não poderia ser, com isso nasceu a ideia da Live do Cer, no começo tudo muito novo para a diretoria que até o momento não sabiam por onde começar, mas se tem uma coisa que essa entidade tem são pessoas empenhadas, dedicadas e com muita força de vontade de colaborar para que mais de duzentos alunos possam seguir seus tratamentos e atendimentos, este ano o Arraia do Cer completou 28 anos de história.

Durante a Live, muitas doações foram chegando via depósito bancário, além de muitas que já estavam confirmadas de empresas e empresários que fizeram a contribuição, enquanto a live acontecia na sede do Stúdio Max, as entregas de vatapá e canjiquinha era feita no Posto Modelo no formato Drive Tru.

” Realmente já estava descartado de fazer o nosso tradicional Arraia esse ano, antes de mais nada precisamos cuidar da saúde de nossos alunos, e com a pandemia era impossível de fazer, mas nossa entidade tem um brilho especial, tem anjos que aparecem em nossas vidas na hora certa e no dia certo, foi assim que nasceu a nossa Live, e jamais esperamos que houvesse uma arrecadação nessa quantidade, disse Aragão presidente do Centro Educacional de Rolim de Moura.

O presidente afirma ainda que a prestação de conta será feita em breve para a sociedade Rolimourense.