Caso aconteceu entre a noite de domingo e esta segunda — Foto: Marcelino Neto/O

Em um dos casos, na madrugada desta segunda-feira, uma jovem de 26 anos foi agredida com socos na cabeça durante uma briga com o marido, em uma casa do Bairro Socialista. Na ocasião, o suspeito puxou a mulher pelos cabelos e tentou enforcá-la. A vítima conseguiu pedir socorro e o homem, de 30 anos, foi preso e levado à Central de Flagrantes.

A mulher de 32 anos foi encontrada com o olho quase fechado, por causa do inchaço causado pelas lesões. Aos agentes, a vítima relata que chegou em casa com as filhas, quando percebeu que seu marido estava nu. Ela teria pedido para que as meninas não entrassem no imóvel até que o homem se vestisse.

Quando as meninas de 14 e 9 anos entraram na casa o homem ainda despido, momento que ele foi ao quarto da esposa e começou a agredi-lá com socos. Ela correu para a rua, junto com as filhas, e uma amiga vizinha chamou a polícia. O homem recebeu voz de prisão e foi levado à Central de Polícia.

Na noite de domingo, uma mulher de 32 anos foi agredida com socos porque se recusou a ter relações sexuais com o companheiro, de 33 anos. Segundo a Polícia Militar (PM), o homem estava sob efeito de álcool e drogas e, durante as agressões contra a companheira, quebrou o celular da vítima. Fonte:g1.globo.com/