Após mandar fotos íntimas através do Whatsapp para adolescente homem é preso

Porto Velho, RO  Por determinação do CIOP na noite de quarta-feira (12), uma guarnição da Polícia Militar se deslocou até uma residência localizada na Avenida Buenos Aires no bairro Nova Porto Velho na capital, para averiguar uma tentativa de estupro de vulnerável.

Já no referido local do fato foi feito contato com a mãe da vítima, uma adolescente de 16 anos, onde ela contou que sua filha já havia lhe comunicado que vinha sendo aliciada por um homem de 28 anos, há vários anos, no entanto, nunca acreditou na mesma. A menor resolveu baixar o aplicativo de whatsapp em seu celular, momento que chegou a mensagem do suspeito, de imediato a menor comunicou sua mãe sobre novas investidas do conduzido.

Diante a isso a mulher resolveu tirar a prova e pediu que sua filha respondesse a mensagem, foi quando receberam várias fotos da parte íntima do abusador, a mãe acionou a Polícia Militar. Os militares receberam a informação que o suspeito estaria próximo a Rua Calama numa feira, conhecida como FEIRA DO 4 DE JANEIRO, que esta guarnição foi ao referido endereço e localizou o homem fazendo alguns fretes para os feirantes daquele local. Que ao ser abordado foi indagado sobre os fatos e este confessou ter praticado e não esboçou reação.

Diante da afirmação foi dada voz de prisão ao conduzido pelo crime capitulado no Art. 241 De Aliciar, assediar, instigar ou constranger, por qualquer meio de comunicação, Criança, com o fim de com ela praticar ato libidinoso. Foram lidos seus direitos constitucionais e apresentado na central de flagrantes para as providencias que a justiça determinar. Conforme súmula vinculante 011 do STF foi necessário o uso da algema para evitar fuga e preservar a integridade física do mesmo bem como desta guarnição de serviço.