Deslizamento aconteceu na manhã desta quinta-feira (14) em Santa Leopoldina. Chuva no Espírito Santo deixa quatro cidades em alerta máximo e 76 desalojados.
Por Maira Mendonça e Viviane Machado, G1 ES

Avião do Notaer chega a Vitória com mãe e filho soterradas em Santa Leopoldina, no Espírito Santo — Foto: Reprodução/ TV GazetaAvião

Mãe e filho de seis anos, que estavam sob os escombros de uma casa na comunidade de Holanda, em Santa Leopoldina, no Espírito Santo, foram resgatados com vida na manhã desta quinta-feira (14). O pai, no entanto, morreu no deslizamento.

Como o local é de difícil acesso, o helicóptero do Núcleo de Operações e Transporte Aéreo (Notaer) da Polícia Militar foi usado no resgate. Mãe e filho foram transportados até Vitória e encaminhados para hospitais da região. Já o corpo do pai foi levado pelo Notaer para o Departamento Médico Legal (DML) de Vitória.

Mulher foi socorrida após deslizamento em Santa Leopoldina, no Espírito Santo — Foto: Reprodução/ TV GazetaCriança foi socorrida após deslizamento em Santa Leopoldina, no Espírito Santo — Foto: Reprodução/ TV Gazeta

Estavam na casa a mãe, Fernanda Caus; o filho, Lorenzo Caus; e o marido Fabrício Caus; e uma idosa, que ainda não foi identificada. A idosa conseguiu ser resgatada por vizinhos, antes da chegada do Corpo de Bombeiros.

Família que estava na casa e foi soterrada em deslizamento em Santa Leopoldina; pai morreu, mas mãe e filho conseguiram se salvar — Foto: Reprodução/ TV GazetaDeslizamento de terra na zona rural de Holanda, em Santa Leopoldina — Foto: Reprodução/ TV Gazeta

De acordo com a Secretaria de Estado de Segurança (Sesp), Fernanda tem suspeitas de fraturas na coluna, no braço e na perna. A criança, no entanto, sofreu apenas escoriações. Ele foi levado para o Hospital Infantil de Vitória.

Saiba os contatos da Defesa Civil dos município do ES
Segundo membros da equipe que atuaram no resgate, pai e mãe, ao perceberem o desabamento, se abraçaram para proteger o filho.

Dificuldade de resgate

Em função da forte chuva, o helicóptero da Polícia Militar não pode ir ao local assim que houve o acionamento. Foi preciso aguardar uma melhora das condições do tempo para decolar, partindo do quartel da Polícia Militar.

Deslizamento de terra na zona rural de Holanda, em Santa Leopoldina — Foto: Reprodução/ TV Gazeta

Casa que desabou em Santa Leopoldina, deixando mãe e filho feridos — Foto: Reprodução/ TV GazetaCasa que desabou em Santa Leopoldina, deixando mãe e filho feridos — Foto: Reprodução/ TV Gazeta

O helicóptero conseguiu sair às 10h30 e chegou à comunidade de Holanda às 11 horas. Por volta do meio dia, mãe e filho chegaram a Vitória.

Equipes do Corpo de Bombeiros que tentaram acessar o local por terra continuam presas em Santa Leopoldina em função dos alagamentos.

Região de Santa Leopoldina foi tomada pela água — Foto: VC no ES1Região de Santa Leopoldina foi tomada pela água Região de Santa Leopoldina foi tomada pela água — Foto: VC no ES1

Chuva no ES tem 76 desalojados e 4 cidades em alerta máximo
Quatro cidades do Espírito Santo estão em alerta máximo por causa da chuva. Segundo a Defesa Civil, os municípios são: Domingos Martins, Santa Leopoldina, Anchieta e Viana.

Outros sete municípios também estão em alerta, mas em menor intensidade. São eles: Serra, Cariacica, Fundão, Vitória, Piúma, Alfredo Chaves e Viana.

Alagamento na BR-262 no Espírito Santo — Foto: Reprodução/ TV GazetaAlagamento na BR-262 no Espírito Santo — Foto: Reprodução/ TV Gazeta

Em Santa Leopoldina, além do deslizamento que matou pai e deixou mãe e filho feridos, o rio Santa Maria da Vitória transbordou, causando interdição na rodovia ES-080. Vários pontos de alagamento foram registrados no município.

No município de Domingos Martins, vários alagamentos foram vistos na BR-262. A rodovia precisou, inclusive, ser parcialmente interditada em alguns trechos, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Em Anchieta, foram registradas quedas de barragens em estradas do interior da cidade, como em Dois Irmãos de Olivânia. Árvores também foram derrubadas pela tempestade.

Alagamento em Cobilândia, em Vila Velha, no Espírito Santo Alagamento em Cobilândia, em Vila Velha, no Espírito Santo — Foto: Roberto Pratti/ TV Gazeta

No entanto, não há vítimas e nem desalojados até o momento. Três equipes da Defesa Civil municipal estão se dividindo para atender às ocorrências.

Em Viana, que também está em alerta máximo, os alagamentos foram registrados nos bairros Vila Betânia, Industrial, Canaã e Marcílio de Noronha.

Casa desaba em Cariacica
Pai, mãe e filho foram soterrados em um desabamento em Cariacica, na madrugada desta quinta-feira. A casa onde a família estava ficou completamente destruída.

O filho do casal tem 14 anos. Ele tem autismo. Quando a casa caiu, a mãe ficou debruçada em cima do filho para protegê-lo.

“Estava no meu quarto e só ouvi o meu pai chamando a minha mãe. Quando fui ver, já tinha desabado. Meu pai estava num lugar mais fácil. Minha mãe no mais difícil, caiu em cima dela”, disse a filha do casal e irmã do menino, Grace Kelly de Jesus.

Circulação de ônibus afetada
Os ônibus do Sistema Transcol, que circulam na Grande Vitória, foram impactados pelos alagamentos nesta quinta-feira. Em Viana, nenhuma linha consegue passar no município.

Nos demais municípios da Grande Vitória, a operação está sendo realizada, embora ainda existam pontos de alagamento que podem gerar atrasos e desvios de itinerário.

Universidade Federal do ES suspende aulas
Por causa dos estragos provocados pela chuva, a Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) suspendeu as aulas nos campi de Goiabeiras e Maruípe, ambos em Vitória.

As aulas estão suspensas pela manhã desta quinta, mas a Universidade avalia se as aulas da tarde e noite serão mantidas.

Já em Alegre, no interior do estado, as aulas estão suspensas desde a terça-feira (12), quando um temporal atingiu a cidade deixando estragos no campus.