O calor é companhia diária dos estudos dos alunos da Escola Estadual Irineu da Gama Paes, localizada no bairro Congós, Zona Sul de Macapá. Há 3 meses, 19 centrais de ar refrigerado que poderiam amenizar as temperaturas das salas estão no prédio mas ainda não foram instaladas.

De acordo com a Secretaria de Estado da Educação (Seed), a escola está incluída no cronograma de instalação dos aparelhos e deve ser atendida nas próximas semanas.

Nas salas que há centrais de ar, os equipamentos não funcionam, assim como a maioria dos ventiladores de teto instalados nos espaços.

O diretor da escola, Haroldo Freitas, informou que as centrais de ar chegaram no fim de dezembro de 2017 e foram condicionadas na sala dos professores. Durante esse tempo, a empresa responsável pela instalação estaria sendo contratada, declarou o tesoureiro da escola, Ademilson Nunes.

“A secretaria finalizou a licitação esse mês. Solicitamos a instalação e nessa semana que entra já terá uma empresa para fazer as devidas instalações nas salas de aula. São várias escolas que foram contempladas, a nossa escola está como uma das prioridades. Estamos na espera, ansiosos”, disse Nunes.

Há 3 meses a escola também recebeu ajustes na rede elétrica para receber os equipamentos de refrigeração.

Em novembro de 2017, um incêndio atingiu uma sala de aula da escola Irineu da Gama Paes. Como o sinistro ocorreu na madrugada, não havia pessoas na escola e ninguém ficou ferido. Na época, técnicos da empresa responsável pela manutenção elétrica da escola foram no local e apontaram que o problema pode ter sido ocasionado devido a fiação do prédio ser antiga.

O fogo destruiu na época uma central de ar, dois ventiladores, armário, carteiras, forro e duas janelas. O tesoureiro informou que a reforma do espaço deve iniciar na semana que vem e a sala deve ser entregue no mês de abril.

Na madrugada desta sexta-feira (16), a escola foi furtada e os criminosos levaram toda a merenda e o botijão de gás. Devido esse problema, os alunos foram dispensados mais cedo.

Na escola Irineu da Gama estão matriculados cerca de 1,5 mil alunos do ensino fundamental e Educação de Jovens e Adultos (EJA), que estudam nos turnos da manhã, tarde e noite.

Fonte: G1