Uma pesquisa divulgada nesta quinta-feira (20) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revela que o Pará terminou o ano de 2017 com 57,3% de sua população tendo acesso à internet, um aumento de cerca de 455 mil comparado a 2016.

O estudo mostra ainda que as mulheres tiveram a maior taxa de acesso por sexo, com 60,6% delas tendo acesso ao final de 2017. Os homens, apesar do aumento de cerca de 5% comparado a 2016, estavam abaixo do público feminino, com 53,8%. A pesquisa leva em conta o último trimestre de cada ano e a população maior de 10 anos de idade.

As pessoas de 30 a 39 anos registraram o maior acesso à internet com 22,4% do total de internautas paraenses, sendo seguida pelas pessoas entre 14 a 19 (17,3%) e 40 a 49 anos (15,3%). Enquanto o menor percentual de acesso foi visto entre as pessoas de 60 anos ou mais, que em 2017 eram 4,0%. Foi visto também, uma tendência de diminuição das taxas de acesso após os 39 anos.

Mais de um milhão de estudantes utilizaram a internet no último ano, o que representou 66,2% de todos os estudantes no estado, enquanto 54,2% dos que não estudam tinham acesso a rede. Sobre o nível de escolaridade dos usuários, o IBGE destaca uma taxa maior de acesso entre os grupos com maior grau de instrução.

Fonte: G1