Pontes e bueiros foram danificados pelas chuvas deixando isoladas algumas comunidades.

As últimas chuvas que caíram na região do Pacarana causaram bastante estragos na malha viária nas comunidades no seu entorno.

Pelas redes sociais a população divulgou inúmeras imagens de pontes e bueiros que foram destruídos pela força da água.

A ponte da Linha Rio da Prata próxima a sede da comunidade foi danificada com parte de suas pranchas sendo levadas pela água deixando o local isolado para a passagem de veículos o que obriga os moradores a darem volta para ter acesso ao distrito.

Na Linha 42 um bueiro se rompeu e no local ficou uma grande cratera que cortou toda a extensão da vicinal. No local nem as motos estão conseguindo transpor a passagem, obrigando os usuários a buscarem outras alternativas de estradas.

Apesar do esforço da secretaria municipal de obras públicas (Semosp) em fazer a manutenção preventiva nos pontos cruciais nessas linhas, as intemperes tem sido um adversário inesperado, danificando a noite o trabalho feito durante o dia.

A preocupação dos moradores locais é no sentido de que o período de inverno ainda vai perdurar por mais alguns meses e a possibilidade de ficarem isolados preocupa a todos pelos prejuízos que podem sofrer com a continuidade dessa situação.

Essas quedas de pontes e bueiros praticamente interrompe os serviços de coleta de leite pelos caminhões tanques, interrompe o transporte escolar e prejudica a movimentação dos moradores que não podem usarem seus veículos para alguma emergência.

A população dessas comunidades tem usado a mídia através dos grupos de What App para denunciar a situação e tentar chamar atenção das autoridades para essa situação que segundo a maioria só tende a se agravar nesse período com a continuidades das chuvas na região.

Autor: Luizinho Carvalho/Cientista Social

Fotos: Rede Social